Central de Notícias

Notícias Notícias AESUL

Fase Notícias

Público recorde! XIV edição da Maifest reúne cerca de 200 mil pessoas
14  JUNHO  2013 

Público recorde! XIV edição da Maifest reúne cerca de 200 mil pessoas

Sucesso total! Assim pode ser definida a décima quarta edição da MaiFest promovida pela AEMB - Associação dos Empreendedores e Moradores do Brooklin, nos dias 25 e 26 de maio, para celebrar o início da primavera alemã. 

O quadrilátero compreendido pelas Ruas Joaquim Nabuco, Barão do Triunfo, Princesa Isabel e Bernardino de Campos foi tomado por cerca de 200 mil pessoas que foram conferir de perto todos os atrativos da tradicional festa. Foram mais de 200 atrações de várias tendências artísticas como dança, teatro, circo, música MPB, música e dança folclórica alemã, música erudita e popular com orquestras e grupos musicais, fotografia, exposições, música contemporânea, rádio com transmissão ao vivo de todas as atrações do evento, cinema open air, artesanato de qualidade e gastronomia de diversas partes do Brasil e do mundo. 

Este ano o tema central da XIV MaiFest foi “Quando Culturas se Encontram: Arte e Inclusão Social”, em comemoração a ano da Alemanha no Brasil, que teve início em maio deste ano e segue até maio de 2014, com o tema “Quando as ideias se encontram”, e tem como objetivo ampliar e aprofundar a relação entre os dois países. “Os eventos do Ano da Alemanha no Brasil foram programados de modo a selar a aliança Brasil-Alemanha, contemplando os setores da cultura, economia, tecnologia, educação, ciência, inovação, desenvolvimento sustentável, habitação e esporte, refletindo o futuro. O conceito da MaiFest 2013 entrou na programação oficial integrando a cultura brasileira e alemã. As ruas do Brooklin receberam uma viagem multicultural pela Alemanha, Brasil e o mundo”, define Luiz Delfino Cardia, Curador Cultural do Evento”.

Apesar do evento ser bairro por estar localizado no Brooklin, ele já rompeu fronteiras, tem uma linguagem internacional e recebeu um público que veio do sul especialmente para a festa. Outro motivo para comemorar é que a MaiFest assim como a BrooklinFest receberam a certificação oficial da Alemanha. “Temos, portanto, o dever de agradecer aos jovens artistas, professores e parceiros institucionais no Brasil e na Alemanha que vêm participando há anos do nosso projeto cultural”, destaca Cardia.

Visitantes fazem filas para saborear as delicias da culinária alemã e também brasileira

Em cada esquina um aroma diferente. Tinha comidas para todos os paladares nos restaurantes e barracas estrategicamente espalhados pelas ruas. Da Alemanha, pratos típicos como o einsbein (joelho de porco servido com batata e chucrute), kassler (bisteca do porco defumada), páprika schnitzel (carne de porco com molho de páprika), kartoffelpuffer (panqueca de batata frita com vários recheios doces e salgados), chucrute (repolho fermentado), salsichões alemão: weisswurst (salsicha branca), bratwurust (salsicha de carne de porco e vitela) e salsicha cervela, todos servidos com dois tipos de mostarda; spatzle (macarrão caseiro alemão), e o mais variados doces típicos, dentre eles o apfelstrudel (torta de maça com massa folhada, passas e canela).

Além da culinária típica alemã, a MaiFest proporcionou ainda aos visitantes os mais variados pratos de diversas regiões do Brasil e do mundo, como o acarajé, crepe, cozinha portuguesa, árabe, japonesa, chinesa, etc, sem deixar de mencionar o chope gelado. 

Aconteceu nas ruas e nos palcos da MaiFest

O clima da Alemanha surpreendeu os visitantes da MaiFest a cada esquina, tanto nos palcos quanto nas ruas. Quem estava passeando pelas ruas, saboreando os inúmeros petiscos ou então circulando entre as barracas de artesanato a todo momento era surpreendido pelas apresentações itinerantes da Orquestra Gaita de Fole, Banda Bavária e Banda Pomerode. 

Aqueles que preferiram mais comodidade para apreciar as belas apresentações não descolaram os olhares do palco do Espaço Orquestra, um ambiente multicultural, que recebeu importantes apresentações da Alemanha e do Brasil como Canto Libre Música da América Latina; Banda Glór - música irlandesa; Old Boys; Soul Music; Som Pop: Duranbah, MonSanto; Nenê MPB Brasil; Banda Nova Escola (Projeto marchinhas de carnaval Brasil); Reinaldo (MPB e homenagem a Vinicius de Moraes  e Paulo Vanzolini); Vitor da Trindade (Percussão e MPB - Professor da Landesmusikakademie de Berlin); Banda de Jazz Esporte Clube Pinheiros; Beatriz Botelho MPB; Grupo Performance Artistas Secretos e Grupo Provocanções MPB, que  nasceu na ONG Monte Azul.

Ainda no palco Espaço Orquestra apresentações especiais encantaram a todos. Passaram pelo palco o Coral do Guri Santa Marcelina (100 vozes); Coral do Colégio Benjamin Constant; Coral Vozes da Globo; Camerata Futurong; Orquestra Esporte Clube Pinheiros; Camerata Villani Cortês, promovida pela ONG Vivendo com Arte; Orquestra Sinfônica Juvenil da Escola de Música do Estado de São Paulo; Camerata  Darcos com Paulo Paschoal Violinista da OSESP e Cordas Coletivas da EMIA Escola Municipal. 

No Espaço São Paulo, palco localizado na Rua Joaquim Nabuco, o público pôde curtir e dançar ao som da Banda Folclórica de Música Alemã; Grupo de Dança Folclórica Alemã; Academia de Ginástica Fit Stadium; Grupo Gotas de Flor com Amor, etc. O grupo Danças Circulares saiu do palco e foi dançar com as pessoas na rua, vivenciando ritmos de vários países, mas com ênfase na Alemanha. 

Na Galeria Brooklin o cartunista Toni D`Agostinho interagiu com as pessoas fazendo belas caricaturas. Com mãos hábeis e traços exagerados o artista retratou os participantes do evento, arrancando risos de quem se deixou retratar. 

Na programação do Cinema Open Air da Rua Joaquim Nabuco o público conferiu filmes como: Sem Palavras; Os músicos de Bremen; Rapunzel; A Bela Adormecida; A Branca de Neve; e na programação de Curtas - Just Get Married - Escola de Línguas - Passageiro Clandestino – Padam, com direção: div. Syria, Luxemburgo, Alemanha, Espanha - 1991-2007 - 52 min.

O prédio da CIESP na Rua Bernardino de Campos abrigou diversas  exposições fotográficas, dentre elas: Viagem pela Alemanha 2013 e  Carnaval Alemão, ambas com fotografias de Luiz Delfino Cardia; Brooklin e suas Histórias com fotografias gentilmente cedidas pela Paróquia Sagrado Coração de Jesus; Família Schineider e sua História na Alemanha, com Fotografias de cidades alemãs. As crianças e os adultos fãs do Playmobil, puderam matar a saudade com a exposição de Alexandre Govatski na Galeria Brooklin que trouxe uma seleção de Playmobil de todos os tempos.

No espaço Criança da Rua Barão do Triunfo a diversão para a garotada foi garantida. Tiveram oficinas de esportes, Gincanas, Grupo de Dança Folclórica Alemão Alte Heimat; Grupo de Dança da Escola Céu Azul  e  Grupo de Dança Hallo Welt, ambos do Bairro de Colônia, em Parelheiros; Contação de Histórias;  Atividades esportivas promovidas pelo Instituto Esporte e Educação da equipe Ana Mozer; Recepção do público nos palcos e nas ruas com a ONG Esparatrapo, linguagem do Palhaço, entre muitas outras atrações.

Final Liga dos Campeões da Europa

Sábado, às 15h45, os torcedores alemães e brasileiros pararam em frente ao palco da Rua Joaquim Nabuco para assistir a final da Liga dos Campeões da Europa, que pela primeira vez na história teve uma final alemã. A decisão da competição europeia de clubes foi entre o Bayern de Munique e Borussia Dortmund, no Estádio Wembley, em Londres. O Bayern de Munique marcou dois gols e levou a melhor sobre o Borussia Dortmund que encerrou a partida com apenas um gol.

Presenças ilustres na MaiFest

Não foram poucas as presenças ilustres na MaiFest. Para Ademar Távora, Presidente da AEMB, isso demonstra que a festa ganha cada vez mais respeito e reconhecimento.  “A cada dia que passa, nosso evento vem contando com a presença maciça de autoridades de todas as instâncias, o que nos deixa muito feliz, não só pelo prestígio que trazem ao evento em si, mas também e, principalmente, pela oportunidade que nos dão de realizarmos nossos pleitos em benefício da nossa região, bem como engrossa o nosso projeto de incentivo à cidadania, aproximando os agentes do Poder Público de nós cidadãos”. 

Esta edição da MaiFest contou com a visita do Senador Aloysio Nunes; Mario Covas Neto; os vereadores Gilberto Natalini, Arselino Tatto e Ricardo Nunes e Antonio Goulart, que inclusive trabalhou durante os dois dias de festa na barraca da SOBEI; o Deputado Estadual, João Caramez; Ex-Prefeito Gilberto Kassab; Subprefeito de Santo Amaro, Adevilson Maia e o seu Chefe da Gabinete Valderci Malagosini; o Chefe de Gabinete da Subprefeitura de Vila Mariana, Renato Jardim; o Assessor de Comunicação da Secretaria de Cultura, Alê Ferraz; o Deputado Federal Arnaldo Faria de Sá e Deputado Estadual, Enio Tatto; o Presidente do Instituto Paulo Kobayashi, Vitor Kobayashi; Presidente da OAB Santo Amaro, Claudio Schefer; o Diretor Titular do CIESP Distrital Sul e também da ACSP Distrital Santo Amaro, Leonardo Ugolini; a Ex-Diretora Superintendente da ACSP Distrital Santo Amaro, Rita de Cássia Campagnoli Acea, o Vice-Presidente do Sindusfarma, Lauro D. Moretto, entre outros.    

Ocorrência policial zero - diversão com segurança

Segundo o policiamento local não houve nenhuma ocorrência de roubo ou violência durante os dois dias da MaiFest. O efetivo local e também os seguranças particulares contratados pela organização da festa garantiram diversão com segurança a todos. “Tanto a MaiFest, quanto a BrooklinFest são exemplos típicos de democracia cultural e da participação popular, por isso a segurança é uma das nossas principais preocupações, dado o viés familiar que tem os nossos eventos”, finaliza o Presidente Ademar Távora.

Eventos

Palestra "50 anos em 5: Multiplique seu patrimônio com ações" - 24/07/19

24/07/2019

Caldos & Negócios AESUL, 11/07/19

11/07/2019

Circuito de Negócios AESUL - 27/06/19

27/06/2019

Vídeos

Assine nossa Newsletter

Galeria